Vivo diz que veículo utilizado nos furtos de cabos elétricos não pertence à empresa

O veículo placa DIK - 7042, usado no crime, está sendo procurado.

Atualização: No dia 20/12/2019, a Polícia prendeu três falsos técnicos que estavam furtando os cabos. Para acessar a matéria CLIQUE AQUI.


Após a divulgação pelo o Cajamar Notícias, sobre um veículo, placa DIK – 7042, onde três indivíduos foram flagrados por câmeras de segurança furtando os cabos de cobre da rede de iluminação pública de Cajamar (CLIQUE AQUI PARA ACESSAR A MATÉRIA), em diversos locais, a Vivo se manifestou sobre o caso.

Segue a nota da operadora:

“A Vivo informa que não identificou nenhum furto de cabos de sua rede nos locais mencionados pela reportagem, e que o veículo utilizado para o delito não pertence a frota de veículos da empresa ou terceirizados. A Vivo ressalta que roubos acontecem com maior frequência de madrugada e envolvem artifícios como o uso de carros com adesivos falsos, escadas e até sinalização do local. A empresa adota medidas de prevenção, como a instalação de alarmes e colocação de travas nos chassis de caixas subterrâneas, entre outras, que dificultem o acesso daqueles que têm a intenção de cometer um crime. A Vivo orienta a população que, ao identificar uma situação suspeita, denuncie a ação, com total sigilo, no canal 0800 14 44 44. A ligação é gratuita e funciona 24 horas por dia, sete dias por semana. Também é possível acionar a Polícia Militar para esses casos ligando para o 190”.

A Enel também divulgou uma nota sobre o caso, segue:

“A Enel Distribuição São Paulo informa que reinstalou os cabos no distrito de Jordanésia, em Cajamar, e a iluminação pública foi normalizada. A  distribuidora esclarece ainda que está apurando o caso”.


A Polícia Militar, bem como a Secretaria de Segurança Pública de Cajamar, informa que a população, ao suspeitar das ações dos técnicos, deve acionar a polícia pelo 190 ou pelo telefone da Guarda 4447-4000.

O veículo placa DIK – 7042, usado no crime, está sendo procurado.