Prefeitura de Cajamar impede loteamento clandestino no Bairro São Benedito

A área em questão se encontra localizada em ZIA (Zona de Interesse Ambiental), sendo terminantemente proibido quaisquer construções, como previsto pelo Plano Diretor e pela Lei de Uso e Ocupação do Solo do Município.

Na manhã desta sexta-feira (28), uma ação conjunta envolvendo a Guarda Civil Municipal de Cajamar, Guarda Ambiental, Secretaria de Mobilidade e Desenvolvimento Urbano e Secretaria de Meio Ambiente, impediu um novo loteamento irregular no Bairro São Benedito (Km 43 da Via Anhanguera).

A ação foi realizada de forma rigorosa, pois, segundo as informações apuradas pelo Destaque Regional, os responsáveis pelas obras removeram, sem nenhuma autorização, diversas vegetações nativas, e, em diversos locais já haviam indícios de construções que se iniciaram há algum tempo. A área em questão se encontra localizada em ZIA (Zona de Interesse Ambiental), sendo terminantemente proibido quaisquer construções, como previsto pelo Plano Diretor e pela Lei de Uso e Ocupação do Solo do Município.

De acordo com informações, cada lote irregular estava sendo comercializado pelo valor médio de R$50.000,00 (cinquenta mil reais).

O loteamento clandestino fica localizado em uma travessa da Estrada das Nascentes e estava sendo realizado por pessoas de fora do município. Os responsáveis já haviam praticado a prática de Parcelamento Irregular do Solo, Degradação Ambiental – Contra a Flora e indícios de canalização fechada de córrego. Os responsáveis foram indiciado pela PM Ambiental, sendo Jair Rosalis Gomes e outros também, de Várzea Paulista.

Os agentes que acompanharam essa operação deixaram os avisos de embargo das obras, com as seguintes determinações: “Desmonte voluntário da construção no prazo de 2 dias a partir da data vigente, que se descumprido pode acarretar em sanções e multas prevista na legislação vigente, assim como a demolição da construção, podendo o poder público cobrar os custos dos serviços”. Veja abaixo:

Ver Post

Veja abaixo as imagens da operação: