Vacinação de gestantes com comorbidades está suspensa

Anvisa emitiu um comunicado recomendando a suspensão imediata do uso da vacina COVID-19 da AstraZeneca/Fiocruz em mulheres gestantes.

Divulgação.
Publicidade

Na noite de segunda-feira (10), a Anvisa emitiu um comunicado recomendando a suspensão imediata do uso da vacina COVID-19 da AstraZeneca/Fiocruz em mulheres gestantes. Esta recomendação é resultado do monitoramento de eventos adversos feito de forma constante sobre as vacinas contra COVID-19 em uso no país.

O Plano Estadual de Imunização contra COVID-19 incluiu a vacinação de gestantes com comorbidades na nova etapa que se inicia hoje (11) em todo o estado, com isso, a Secretaria Municipal de Saúde de Cajamar já havia iniciado o agendamento, no entanto, após a decisão, o Plano Estadual de Imunização suspendeu a vacinação para gestantes e todos os agendamentos estão cancelados.

Novas orientações serão comunicadas após pareceres técnicos do Programa Nacional de Imunização (PNI) do Ministério da Saúde e da Anvisa.

Comente essa matéria com o Facebook: