Polícia interrompe aglomerações na Represa de Mairiporã

centenas de turistas estão sendo notificados e retirados das margens.

A Polícia em conjunto com a Prefeitura de Mairiporã, iniciou o domingo com mais ações para conter as aglomerações na cidade.

Logo pela manhã os agentes de segurança, trânsito e fiscalização retiraram novamente pessoas que estavam no Pico do Olho D’água, desobedecendo o bloqueio e as ordens de distanciamento social.

Já nos arredores da Represa Paiva Castro, centenas de turistas estão sendo notificados e retirados das margens, que são de propriedade particular da Sabesp.

Além da proibição de banho, essas ações causam danos à natureza, pelo lixo deixado no local.
Com a atual Fase Emergencial do Plano SP, a lotação nos leitos de enfermaria e UTI e a antecipação dos feriados na Cidade de São Paulo, a Prefeitura de Mairiporã, intensificou as restrições no município com o intuito de conter a programação do vírus COVID-19.

Comente essa matéria com o Facebook: