Polícia identifica suspeitos de esquartejar pai e filho de Cajamar

A Polícia Civil de Araçariguama informou que identificou dois suspeitos do assassinato de pai e filho no último fim de semana na cidade. As vítimas de Cajamar desapareceram após uma briga com vizinhos e depois foram encontradas mutiladas: o jovem de 17 anos estava esquartejado e o homem de 38 anos teve a cabeça decepada.

Apesar da identificação dos suspeitos, eles ainda não foram localizados. Por isso, a polícia ainda não sabe a motivação do crime. A família das vítimas de Cajamar estava em uma chácara na estrada que liga Araçariguama a Pirapora de Bom Jesus por conta do feriado de Páscoa.

Conforme a apuração da Polícia Civil de São Roque que iniciou a investigação do caso, as vítimas brigaram com vizinhos da chácara antes de desaparecerem e serem encontradas mortas.

Segundo informações da polícia, o pai, Lessandro Aparecido Galvão, foi esfaqueado até a morte com golpes de facão e o corpo encontrado no acostamento de uma estrada da região. Já o jovem, Erick da Silva Galvão, foi encontrado esquartejado em um campo de futebol às margens de uma estrada.

Em Cajamar, na última segunda-feira (17), o velório das vítimas reuniu centenas de pessoas, entre elas, alunos da Escola Suzana Dias, na qual foram dispensados para acompanhar o enterro do Pai e filho.