Polícia Federal realiza nova operação em Cajamar

A Polícia Federal, com apoio de auditores da Previdência Social, deflagrou nesta segunda-feira, a Operação Imprevidência, que tem como objetivo desarticular uma organização criminosa dedicada à prática dos crimes de gestão fraudulenta e corrupção ativa.
A investigação apurou que uma organização criminosa, formada por empresários, corretores de investimentos, lobistas e servidores públicos atuou com o fim de viabilizar a realização de aplicação de R$ 80 milhões do Ipam em fundos de investimentos.
Setenta e três policiais federais deram cumprimento a 30 mandados judiciais, sendo quatro de prisão temporária, 19 de busca e apreensão, além de sete de condução coercitiva. Os mandados foram cumpridos nos estados de São Paulo e Rondônia.
Em Cajamar, a operação terminou com a busca e apreensão de documentos em um prédio comercial no distrito de Jordanésia, além da detenção provisória de uma pessoa. Em Jundiaí também houve operação. 
Fonte: G1

Comente essa matéria com o Facebook: