Homem diz que vai estuprar filha de candidato em Santana de Parnaíba

O candidato e sua família está recebendo diversas ameaças, entre elas ataques racistas e machistas. Em uma das mensagens um homem diz que iria estuprar sua filha de apenas 10 anos.

Um Boletim de Ocorrência foi aberto na Delegacia de Santana de Parnaíba após o candidato a prefeito na cidade, Dr. Daniel Junior (PSOL), receber diversas ameaças.

Segundo dados do Boletim de Ocorrência, o candidato e sua família estão recebendo diversas ameaças, entre elas ataques racistas e machistas. Em uma das mensagens um homem diz que iria estuprar sua filha de apenas 10 anos.

A polícia civil de Santana de Parnaíba e Barueri, estão investigando o caso. O caso também já foi encaminhado à Justiça que analisa as localizações das mensagens por meio do número de telefone e IP.

Em nota o PSOL disse que o partido não aceitará intimidações e ameaças aos seus militantes, dirigentes e seus familiares. “Estamos diante da intolerância, autoritarismo e ameaças como formas da política institucional, estimulado pelo governo central colocando em risco a democracia. Os criminosos devem ser punidos, atentar contra a vida e estupro são crimes. Seguimos na luta contra o discurso autoritário, ameaçador e na construção política do partido na cidade”, diz a nota.