Funcionária da Prieto é sequestrada em Jordanésia e obrigada a entregar o salário

Após a ação do criminoso a vítima compareceu a delegacia da Polícia Militar em Jordanésia, onde realizou o B.O. (Boletim de Ocorrência).

Na manhã da ultima segunda-feira (05) uma funcionária da empresa Prieto, a qual não teve seu nome divulgado, foi sequestrada por um homem que com constantes ameaças obrigou a mulher a se colocar a caminho de uma agência bancaria para que realizasse o saque do seu salário.

Segundo Informações apuradas o homem abordou a vítima próximo a empresa que trabalha e a acompanhou até a agência, a mulher foi abrigada a sacar o salário total e entregar para o homem.

De acordo com informações o homem ainda não foi identificado, a Polícia Militar segue investigando o caso. Câmeras de segurança conseguiram flagrar o momento em que o homem caminha ao lado da mulher até a agência bancaria, para não levantar suspeitas, o criminoso caminhou de mãos dadas com a vítima.

Após a ação do criminoso a vítima compareceu a delegacia da Polícia Militar em Jordanésia, onde realizou o B.O. (Boletim de Ocorrência). Ainda não foi confirmada a informação que o homem estava em posse se alguma arma de fogo.

Veja abaixo um vídeo gravado por uma câmera de segurança: