Defesa de Dalete diz que candidata poderá ser votada normalmente nas eleições

A defesa de Dalete diz que a candidata poderá ser escolhida a nova Prefeita da cidade normalmente.

Dalete Oliveira durante sessão na Câmara Municipal de Cajamar.

Após a publicação do Destaque Regional na última sexta-feira sobre o recurso indeferido da candidata Dalete Oliveira (PV) (VEJA A MATÉRIA), a assessoria jurídica da candidata encaminhou em E-mail ao Destaque Regional, informando que, mesmo com o indeferimento do recurso, a candidata poderá ser votada normalmente.


Segue a nota na íntegra:

Para mantermos o equilíbrio e a verdade, esclarecemos que Dalete de Oliveira poderá ser votada normalmente no dia 15/11/2020, pois, a justiça eleitoral permite que mesmo com recurso, a candidata Dalete poderá ser escolhida à nova Prefeita da cidade! Mesmo com a manutenção da decisão de indeferimento da candidata, o TSE assegura o nome de Dalete nas urnas! CLASSE PROCESSUAL: REGISTRO DE CANDIDATURA (11532)REQUERENTE: DALETE DE OLIVEIRA, PARTIDO VERDE. Advogado do(a) REQUERENTE: LEONARDO LOPES PIMENTA – RJ144941″.


Dalete Oliveira teve seu registro de candidatura negado na Justiça Eleitoral em Cajamar, depois, conseguiu uma limitar que, no dia 4 foi julgada no TRE-SP, onde foi indeferida. Veja abaixo o documento que derrubou a liminar na candidata:

0600304-25.2020.6.26.0354_24684651