Com frio, Cajamar aumenta ainda mais ações para abrigar moradores de rua

Equipes irão intensificar as ações de acolhimento, oferecendo abrigo para pessoas em situação de rua. Caso não aceitem, moradores irão receber cobertores.

Desde o dia 20 de agosto, uma onda de frio intenso tem assolado o país, deixando o estado de São Paulo em alerta devido as quedas bruscas de temperaturas, além de geadas e ventos fortes em algumas regiões, atingindo também o município de Cajamar.

Diante dessa situação, as equipes do Social estão trabalhando em parceria com a Defesa Civil e a Guarda Municipal para intensificar as ações de acolhimento durante este período, para garantir que a população mais vulnerável, principalmente a população em situação de rua, tenha a proteção necessária neste momento.

Segundo informações, as equipes do CREAS irão reforçar o trabalho de busca ativa de pessoas em situação de rua por meio das abordagens diurnas e noturnas para encaminha-las ao Alojamento Provisório instalado no Ginásio de Esportes de Jordanésia, para garantir o abrigamento temporário imediato do maior número de pessoas.

Durante os próximos dias de frio intenso será efetuada uma força-tarefa para distribuir cobertores para aqueles casos que não aceitem irem ao alojamento provisório, que contém toda estrutura para alojar os moradores, com camas, cobertores, toalhas de banho, produtos de higiene íntima e pessoal e jogos de interação para atividades socioeducativas, além de insumos para alimentação adequada

Além disso, a administração municipal informou que, em decorrência da pandemia, os cuidados estão sendo redobrados e a equipe técnica está realizando o atendimento seguindo todas as recomendações necessárias, com o uso de equipamentos de proteção individual (EPIs), para trabalhadores e usuários do serviço, incluindo álcool em gel, máscaras e luvas descartáveis.